Bares e BoatesGastronomia e RestaurantesCinemaShowsPasseios e DiversõesTeatro e CulturaNotíciasNegócios e OportunidadesArtigos e Colunas


Loading


OUTRAS NOTÍCIAS
Pré-Bienal é sucesso de publico com a exposição “do lápis de Di ao festim das barrancas”

Anime Jungle Party terá sua primeira edição de 2012

Mais uma edição de Pacha Fetish em Manaus no sábado de aleluia

Lucas Silveira traz projeto Visconde para Manaus

Festa Favela Chic traz Sky Blu do LMFAO a Manaus

Mais Notícias...

"Chapeuzinho Vermelho" vira thriller


21/4/2011



Há uma nova Chapeuzinho nas telas e agora o lobo virou lobisomem. Quem assina "A Garota da Capa Vermelha" é Catherine Hardwicke, que formatou a série Crepúsculo. Ela é louca por um homem lobo.

Em "A Companhia dos Lobos", Neil Jordan já recontara a história de Chapeuzinho Vermelho pelo ângulo do lobo. Há uma nova Chapeuzinho nas telas e agora o lobo virou lobisomem. Quem assina "A Garota da Capa Vermelha" é Catherine Hardwicke, que formatou a série Crepúsculo. Ela é louca por um homem lobo.

Depois que Bruno Bettelheim usou a psicanálise para abrir que os contos de fadas remetem a pulsões secretas do ser humano, o próprio cinema passou a buscar um enfoque mais adulto de temas tradicionais. Isso já ocorria antes, porque a versão de Jean Cocteau para "A Bela e a Fera", nos anos 1940, destinava-se ao público maduro. Desde então, deu a louca na Cinderela, na Gata Borralheira, na Chapeuzinho... Shrek é um caso à parte. É subversivo de forma velada, de olho no público-alvo dos contos, as crianças.

Embora tenha feito apenas o primeiro filme da série "Crepúsculo" - o quarto foi filmado no Brasil -, Catherine Hardwicke foi decisiva na conceituação das adaptações dos livros de Stephenie Meyer. E ela certamente teve um bom olho para escolher o elenco. Sem o romantismo mórbido de Robert Pattinson nem a passividade perversa de Kristin Stewart, "Crepúsculo" dificilmente teria encontrado tanta ressonância junto ao público Ao se voltar para Chapeuzinho, ela superpõe à fábula, propriamente dita, um elemento de suspense. A identidade do lobisomem gera uma caçada que só é desvendada no desfecho.

Freud recorreu à tragédia grega para nomear os complexos - de Édipo e Electra - que estão na base da formação da personalidade. Bettelheim desvendou o que há de incestuoso nas histórias de Hans Christian Anderson e dos irmãos Grimm. Jacques Demy, a propósito, radicalizou a questão do incesto e a fada de "Pele de Asno" (Delphine Seyrig) canta o perigo que representa, para as garotinhas, a atração pelo pai.

A garota da capa vermelha vive numa cidadezinha assolada pela maldição do lobisomem. A entrada em cena de um representante da Igreja, voltado aos exorcismos, expõe os conflitos sob a aparência de tranquilidade. Paganismo, traições, desejos reprimidos. O lobisomem revela-se. Como em "Crepúsculo", Catherine Hardwicke, que é inteligente, pensa melhor do que filma. Mas a nova roupagem para a velha história é interessante. E Julie Christie, como avó, é muito boa.

Fonte:

Comente sobre ""Chapeuzinho Vermelho" vira thriller"


No Manausmais.com.br, você pode comentar também a partir das redes sociais mais populares. Você só precisa logar-se na rede de sua preferência. Todos os comentários serão moderados pelo Manausmais.com.br
Enviar para um amigo
   
Envie para Amigo
   












Siga o Manaus Mais no Twitter!





NOITE | GASTRONOMIA | CINEMA | SHOWS | TEATRO & CULTURA | PASSEIOS & DIVERSÕES | SERVIÇOS

Sobre o Guia | Publicidade | Fale Conosco

© Copyright Manaus Mais 2006. Todos os diretos reservados.

Design + Desenvolvimento